Predição

    Com olhos nervosos,
    Boca particularmente ansiosa,
    Chegou até mim.
    Com garras de quem reza para em pecado cair,
    Suspirou em meu ouvido:

    - Tenho esperado por tanto tempo,
       Passado as noites sozinho,
       Sentindo falta do seu gosto
       Queimando minha garganta. -   

    Fugi do arrepio que o roçar dele faz questão de incendiar.
    Há tempos que pressinto o final trágico
    Desta avalanche emocional que somos.
    Nosso destino: Um dejá-vu!
    A proximidade inevitável
    Dos corpos munidos da química perfeita,
    Da equação sem balanceamento
    (X Desejo – Y Realidade = Fracasso).
    Agarrei minha vontade,
    Travei-a:

    - Para que esperar alguém que nunca irá chegar,
       Se tantas outras camas existem para saciar? – 

    Passo dele,
    E as línguas já dançam:

    - Pois são os seus lábios
       Que me assombram em sonhos. –

    Cansei de negar.
    Nos olhos castanhos dele é que me rendo.


    Confira o texto também no RECANTO DAS LETRAS.



    Leave a Reply

    "Nunca houve no mundo duas opiniões iguais, nem dois fios de cabelo ou grãos. A qualidade mais universal é a diversidade." [ Michel de Montaigne ]

    LEIA,
    PENSE,
    COMENTE!

    Obrigada pelo seu Comentário!!

    Luiz F. Veríssimo

    "Não deixe que a saudade sufoque, que a rotina acomode, que o medo impeça de tentar. Desconfie do destino e acredite em você. Gaste mais horas realizando que sonhando, fazendo que planejando, vivendo que esperando porque, embora quem quase morre esteja vivo, quem quase vive já morreu."

    Anaïs Nin

    Anaïs Nin

    Anaïs Nin

    "Você vive assim, protegido, em um mundo delicado, e você acredita que está vivendo. Então você lê um livro... ou vai fazer uma viagem... e você descobre que não está vivendo, que está hibernando."

    Marcello Mastroianni

    "Acho que todos somos um pouco como Dom Quixote: Certas ilusões são mais fortes que a realidade."